Revisão da produção bibliográfica internacional de dynamics capabilities na perspectiva das leis bibliométricas clássicas

Paulo Roberto Palauro, Dalila Alves Corrêa, Maria Imaculada de Lima Montebelo

Resumo


O artigo apresenta a análise bibliométrica da abordagem capacidades dinâmicas. Sua finalidade é tornar conhecidas algumas especificidades de sua produção bibliográfica internacional, bem como propiciar um caminho de investigação para pesquisadores interessados no assunto, uma vez que se trata de um tema que vem merecendo maior atenção, dada a sua relevância para o avanço do conhecimento sobre estratégias organizacionais sustentáveis. A partir da apresentação conceitual de capacidades dinâmicas, bibliometria e leis bibliométricas foi realizada a análise bibliométrica tomando-se como fonte de consulta artigos da base de dados Scopus, direcionados para a área de gestão e negócios do período 1995 a 2018. Pela aplicação das Leis de Bradford, de Loft e de Zipt, o estudo mostra a dispersão da produção bibliográfica publicada em periódicos científicos; a dispersão da produtividade dos pesquisadores e a frequência e ocorrência das palavras-chave que integram os estudos já realizados. Os resultados obtidos são indicativos sumarizados dos elementos norteadores da pesquisa científica sobre o assunto, além de potencializar avanços para outras modalidades de estudo como a meta-análise e a revisão integrativa da literatura, gerando conhecimento sistemático para pesquisadores de diferentes áreas de conhecimento.  


Palavras-chave


Capacidades dinâmicas; Bibliometria; Leis da bibliometria

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista de Administração da Unimep. ISSN 1679-5350. Publicação eletrônica vinculada ao Programa de Pós-graduação stricto sensu em Administração da Universidade Metodista de Piracicaba.